16 May. 2022, 13h37

Puxadas pela soja, exportações goianas crescem em abril

De acordo com análise do CIN-Fieg, saída do complexo de soja cresceu 11% na comparação com igual período do ano passado. Novamente, China lidera ranking de principais parceiros comerciais, com 55,4% de participação

O Centro Internacional de Negócios (CIN) da Fieg divulgou sexta-feira (13/05) análise da balança comercial goiana em abril, com crescimento de 3% na comparação com igual período do ano passado. No total, o saldo fechou o último mês superavitário em US$ 821,1 milhões.

As exportações de Goiás registraram incremento de 15% em relação a abril/2021, acumulando US$ 1,2 bilhão em valor negociado. O aumento foi puxado principalmente pela ampliação da saída de complexo de soja (11%). Novamente, a China liderou o ranking de principais parceiros comerciais, sendo o destino de 55,4% de todas as mercadorias exportadas pelo Estado. Com o resultado, Goiás ficou na nona colocação do ranking nacional de Estados exportadores.

Já as importações registraram crescimento de 43% na mesma base comparativa, com valor negociado de US$ 470,8 milhões. Os produtos mais comprados foram produtos imunológicos e químicos, medicamentos e fertilizantes, sobretudo da China (17,7%), Alemanha (11,4%) e Estados Unidos (11,2%). O resultado deixou Goiás na 11ª posição no ranking de Estados importadores, uma colocação acima da registrada em março.

Confira aqui íntegra da análise do CIN-Fieg.

Escreva um comentário: