30 Dec. 2021, 07h40

Escola de campeões para todos

Uma auspiciosa notícia chega de Brasília neste fim de ano. Um verdadeiro presente de Natal, simbolizado em política pública capaz de promover uma transformação na área de educação no País, de grande impacto para as futuras gerações, com potencial sobretudo com vistas à corrida da Indústria 4.0, marcada por acelerados avanços tecnológicos e inovação. Trata-se da sanção terça-feira (28) pelo presidente Jair Bolsonaro da lei que permite às entidades do Sistema S (Sesi e Senai) fazer parcerias com Estados e municípios para oferecer vagas com recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb).

Fruto de um projeto aprovado pelo Congresso, a lei democratiza o acesso à educação de qualidade, ao proporcionar maior inclusão, aumentando o contingente de estudantes beneficiados com o padrão de ensino do Sistema Sesi e Senai, a escola de campeões. Além disso, o texto amplia as profissões que poderão receber dinheiro do Fundeb para custeio de salários, incluindo o pessoal administrativo e técnico das escolas. Aproveito aqui para parabenizar todos os parlamentares que votaram pela aprovação dessa lei e que contribuíram com uma nova educação em nosso País.

A boa-nova do Fundeb, que amplia a possibilidade de parcerias, agrega mais valor a uma estratégia em que Sesi e Senai têm know-how e podem colaborar com a rede pública, proporcionando maior acesso à metodologia vencedora das instituições, a formação de campeões. Ou seja, com essa mesma visão do mundo do trabalho que nossos professores têm vai ser possível ensinar também os estudantes da rede pública, enfim, todas as pessoas, numa ação conjunta entre escolas públicas, Fundeb, Sesi e Senai, o que resultará seguramente em ensino de qualidade muito melhor.

Sob a égide da nova lei, temos muito a avançar, sobretudo no campo do ensino técnico e profissionalizante, em que nosso Senai Goiás foi considerado recentemente o número 1 do Brasil, em sistema de avaliação do Departamento Nacional que classifica os Regionais por eficiência e qualidade na educação profissional, tecnologia e gestão, refletindo fortes investimentos feitos em diversas áreas, especialmente na modernização de unidades operacionais, inovação e tecnologia. Além disso, a Faculdade Senai Fatesg, no Setor Universitário, em Goiânia, foi credenciada pelo Ministério da Educação (MEC) com nota 5 (em escala de 1 a 5) para a oferta de cursos de graduação e pós-graduação na modalidade de Educação a Distância (EaD).

A adoção dessa política pública em relação ao Fundeb ocorre em momento especial para o Sistema Fieg, em que Sesi e Senai, atuando de forma conjunta e coordenada, aceleraram projetos estratégicos para a indústria e para a sociedade ao longo de 2021, incrementando a oferta de educação básica e de qualificação profissional, que deverá ser potencializada ainda mais com a definição de investimentos da ordem de R$ 419,7 milhões o período entre 2022 e 2024.

Sandro Mabel, presidente da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg) e dos Conselhos Regionais do Sesi e Senai

*Artigo publicado no Jornal O Popular - 30/12/2021

Escreva um comentário: