26 Mar. 2021, 09h00

Após Fieg encontrar vacina à pronta-entrega, Governo Estadual formaliza pedido urgente de compra do imunizante

2 milhões de doses de vacinas foram solicitadas à empresa Fosun Pharma, na China

Imediatamente após o presidente da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg), Sandro Mabel, ter entregue ofício ao secretário de Estado da Saúde, Ismael Alexandrino, detalhando proposta para aquisição de 5 milhões de doses da vacina Coronavac, o secretário encaminhou pedido de compra de dois milhões de doses para a empresa Fosun Pharma, companhia chinesa que oferece a vacina Coronavac, da farmacêutica Sinovac Biotech.

 

No pedido, o secretário de saúde solicita a cooperação mútua e pede urgência nas negociações. “Esperamos obter ajuda de seu país e cooperação mútua o mais rápido possível nestas compras de acompanhamento”.

CLIQUE E VEJA O OFÍCIO ENCAMINHADO PELA SECRETARIA DE SAÚDE

Sandro Mabel reitera o esforço da Federação das Indústrias em mobilizar esforços para buscar alternativas à escassez de vacinas no Brasil. "Em esforço para cooperar com o Programa Nacional de Imunização, o Centro Internacional de Negócios (CIN-Fieg) alçou pesquisa em todo o mundo, com foco nos grandes centros produtores de vacina, e encontramos disponibilidade. Agora, estamos confiantes que as negociações, por meio do Governo Estadual, vão avançar e teremos vacina para todos os goianos”, ressaltou o presidente da Fieg.

Fosun Pharma

Trata-se de uma empresa chinesa, de capital misto, com faturamento de US$ 20 bilhões ao ano e representante de grandes indústrias farmacêuticas na Ásia. A Fosun Pharma oferece as vacinas Coronac, da farmacêutica Sinovac Biotech, e a vacina Ad5-nCoV, desenvolvida e produzida pela CanSino Biologics, já registrada na China.

1 comentários

  • Jefferson Bueno  |  26/03/2021 14:34

    Amigo Sandro. Congratulo-me com as providências tomadas. Como pode um membro do BRICS não conseguir vacinas? É porque este desgoverno federal que virou .médico ou agende comercial da hidroxicloroquina e está excrescência de ministro das Relações Exteriores ajuda atrapalhar tudo. Parabéns. Está é a FIEG que Antonio Pacheco e Gilson A de Souza criaram para servir e não para servir dela

Escreva um comentário: